The Last Story

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Last Story

Mensagem por Daniel em 27/03/12, 08:09 pm



Este é um dos RPGs mais destacados nos últimos tempos, uma das obras mais atuais do tio Sakaguchi de inúmeros clássicos eternos. Fiquei um pouco decepcionado após o término, mas isso não quer dizer que seja um RPG ruim.

História:



Quesito baixo no jogo. História muito curta assim como o game que se desenvolve em uma única cidade em uma única ilha. Muitos pontos clichês acabam ponderando com várias cenas que remetem a outros jogos. O enredo também não surpreende tendo atuação fraca e também pelo foco ficar quase que totalmente em Zael e Calista - Protagonistas. Acaba prejudicando um pouco a questão da história ser previsível.

Gráficos:



Um dos pontos altos do jogo, embora ofuscado pela escassez de cenários. Os personagens têm um traço bem definido e o forte do quesito fica em conta do vestuário. Muito bonito o design utilizado em todos, um dos mais bonitos que já presenciei nos jogos de RPG. Muitos inimigos e até chefes não receberam o mesmo tratamento o que faz cair a nota deste.

Som:



Nobuo Uematsu ficou encarregado da composição das musicas, e ficou devendo muito, pois seu nome é sinônimo de perfeição. Um dos quesitos que deixou a desejar no jogo. Poucas são as musicas a destacar não tendo o mesmo nível de outros jogos que ele esteve à frente em sua grande história nos RPGs. Como apreciador desse quesito, o jogo ficou-me a dever e muito.

Sistema de Batalha:



Ponto mais forte do jogo. Sistema Action com boa velocidade e simplicidade. A "I.A" de seus aliados pode não ser os melhores, mas não chega a ser comprometedor. Muitas das habilidades do seu personagem ficam comprometidas no desenrolar do jogo quando já se encontram todas a disposição. Melhor explicando: Em sua grande maioria, a opção de usá-las é através do Botão "A" que também é utilizado em outras funções na batalha, como se esconder atrás de pedras. Muitas vezes você quer aplicar um especial e acaba sendo feito outro comando. Isso prejudicou muito o quesito.

Dificuldade:



Dois pontos distintos aqui: inimigos e chefes. Os primeiros são de um nível extremamente baixo, enquanto os chefes podem ser de uma dificuldade inicial bem acima. Isso tudo porque, para muitos chefes, é necessário uma estratégia especial que lhe é fornecido no desenrolar da batalha, muitas vezes com seus aliados já em situação critica. Em um resumo rápido e em uma média, podemos colocar o jogo como mediano neste quesito.

Notas:
História: 3/5
Gráficos: 4/5
Som: 3/5
Sistema de Batalha: 4/5
Dificuldade: 3/5
Total: 3,4

*Confira também a review postada pela Akiha em nosso fórum: http://www.rpg-players.com/t8-the-last-story#4079
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Whitewolf em 27/03/12, 11:56 pm

Belo esquema de review Daniel, assim q eu finalizar algum rpg postarei, porem, antes disso irei postar um Review especial que eh do melhor jogo q ja joguei até hoje (na minha opinião claro). Vo só esperar qdo tiver com um tempinho eu crio meu novo esquema de reviews!!
avatar 
Whitewolf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Daniel em 28/03/12, 08:54 pm

Obrigado, Marcos Smile
Estaremos aguardando sua review.
Por aqui é melhor de postar, não tem as limitações do Orkut. hooray
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Hazuki em 31/03/12, 02:14 pm

Ainda estou com expectativa alta no título, mas além de tudo colocado aqui li também que o jogo sofreria de algumas quedas bruscas na taxa de quadros, ou fps, porém que não teriam em si influenciado na sua qualidade. De qualquer forma, é uma pena também que a inteligência artificial do grupo deixe a desejar, acho que era melhor terem liberado o controle total sobre todos, ou ao menos no estilo de FFXII, 1 por vez, mas com liberdade de troca. É nessas horas também que um sistema como o Gambit deve fazer uma falta... Tongue

avatar 
Hazuki

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Daniel em 31/03/12, 02:24 pm

Eu joguei ele via HD na USB, Hazuki. Pelo menos no jogo normal não houve muitas quedas nos frames. Very Happy
Talvez online o jogo fique mais pesado.
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Hazuki em 31/03/12, 02:54 pm

Bem lembrado Daniel, pelo USB/HD geralmente não sofremos muito com alguns casos desses, mas quando é problema técnico do jogo acho que nem isso salva. Anyway, pelo que expressou na forma com que jogamos estamos mesmo isentos! Tongue
avatar 
Hazuki

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Daniel em 01/04/12, 07:55 pm


Exatamente. Lembro quando joguei Final Fantasy XII.
Quando no cenário apareciam muitos inimigos de grande porte, o jogo ficava mais devagar que cuspida de bêbado.
Acontecia muito também no International Super Star Soccer Deluxe do Super Nes.
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

The Last Story

Mensagem por Akiha em 11/09/12, 12:12 am

Boa noite a todos, fiquei com vontade de escrever um pouco sobre este jogo, tirem os calçados e aproveitem a leitura, de antemão peço perdão pelo trabalho amador neste review.



Faz um bom tempo que ouvimos falar da Mistwalker,a produtora foi responsável por alguns dos primeiros rpgs desta geração, Logo que largou a Square Enix Hironobu Sagakuchi lançou o Blue Dragon, um rpg infantil com um clima de Dragon Quest, a premissa não correspondeu as expectativas de seu criador,que depois tentou novamente com o Lost Oddysei utilizando traços de artistas famosos e musicas bem compostas, porém também não o satisfez, algum tempo depois a empresa anunciou seu próximo jogo, e não apenas isso, o próprio Sagakuchi deu várias entrevistas sobre toda a cautela e carinho que a equipe tinha pelo título? curiosos para ver no que deu? eu também estava.

Porém antes de adentrar no título gostaria de comentar um pouco sobre a simploria narrativa deste jogo, The Last Story é um RPG estranho neste quesito,apesar de extremamente simples, a história tem algo especial que poucos jogos possuem,"naturalidade entre personagens e cenário",o belo design dos personagens tentou fugir do lugar comum e devo dizer que em alguns casos fizeram um bom trabalho.




Enredo:

No passado o mundo sofreu com uma grande guerra, o que acabou por dividir o grande império que tomava suas terras em várias províncias, essas províncias iniciaram uma enorme guerra cívil depois que o imperador morreu, a guerra chegou a um estado de guerra fria quando o Duke de Lazulis repentinamente surgiu com uma arma muito poderosa que passou a ser conhecida como "O canhão de Lazulis", e intrigas políticas passaram a fazer a guerra em vez de armas. Neste cenário seu grupo é contratado por um Duke de outra província para destruir o canhão de Lauliz, mesmo que fosse para reiniciar a guerra, isso não importava pois a jornada dos personagens neste jogo é para melhorar de vida, mercenários são vistos como descartáveis, sem honra e perigosos, e ate mesmo um deles próximo de um cidadão o faz temer, já cansados desta vida seu personagem e o melhor amigo dele Dragan, tem um sonho "Se tornar um cavaleiro". Para Zael e Dragan não importa o que vão fazer em Lazulis, o que importa é apenas trazer uma vida melhor de respeito, luxo e honra para si e para seus companheiros, porém ao chegar em Lazulis outras oportunidades começaram a saltar os olhos dos dois.


Com está premissa The Last Story tem uma narrativa fluida,em uma história cheia de nobres pomposos, cavaleiros preguiçosos que se orgulham de seus status e por ter uma vida tão boa e calma enquanto os outros sofrem para conseguir dinheiro e claro romance, entretanto a narrativa apesar de coerente é falha ao desenvolver todos os temas que apresenta ao jogador, obviamente isto é um jogo e não vamos procurar detalhes que um bom livro pode oferecer, mas muitas coisas com relação ao mundo do jogo simplesmente ficam sem nem ser citadas, algumas afirmações são largadas no ar, e ficam no ar ate o fim do jogo sem ser desenvolvidas, dando a idéia de que o jogador deve imaginar "como é" o mundo, um outro grave problema que afeta uma boa parte da trama do jogo é com relação ao poder do protagonista que deixa alguns eventos sem sentido, fazendo por muitas vezes você se indagar "ue mas ele poderia fazer isso...", porém apesar de todos estes problemas, o jogo conta com um bom elenco de personagens e a naturalidade com que o enredo flui torna a experiência gratificante apesar das falhas.



Jogabilidade:

The Last Story é mais um daqueles jogos "Jrpgs estão muito ultrapassados precisamos inovar", então já com isso em mente fui esperando um sistema de combate estranho e encontrei um que mesclou diversas funcionalidades de outros jogos com a mesma premissa, infelizmente o resultado final não saiu tão satisfatório como poderia, o jogo oferece poucas opções e por muito tempo se apoiá em sistemas parecidos, e outras vezes retirados de jogos que nem são rpgs, como stealth.

A batalha funciona em tempo real, assim como em Xenoblade é possível movimentar seu personagem e ao se aproximar dos monstros ele atacará automaticamente, ha um botão de bloqueio e um outro para esquivas, as batalha teriam sido bem mais funcionais se o jogo oferecesse mais opções de ataque, e desse mais possibilidades de controle sobre seu grupo, a baixa dificuldade também não colabora, mas a experiência é de fato inovadora, pena que não funciona bem para um rpg, você pode se esconder atras de um obstáculo no cenário e atacar um monstro desprevenido iniciando um combate, ou pedir para seus companheiros destruirem pedaços dos lugares, como pontes para facilitar sua vida, uma pena que tudo isso é muito previsível, e os locais de batalha são todos definidos, ou um sistema assim não funcionaria afinal, a maior parte dos combates são parecidos também, salvo os chefes que são um belo espetaculo de se enfrentar, as batalhas normais salvo raríssimas se resumira ao que você faz sempre.

Como o jogo é curto os personagens sobem de nível muito rápido, cada um possui 3 habilidades que você pode comandar para que os mesmos usem a qualquer momento a gasto de uma pequena barra de "comandos" que vai enchendo a medida que fazemos ações, no fim foi um jogo que tentou inovar muito e acabou misturando muitas coisas, não conseguindo fazer com perfeição a ação, nem com perfeição a estratégia, porém é uma experiência diferente.

Trilha Sonora/Gráficos:

Citarei apenas que os gráficos são bonitos para o Wii, não sei avalizar gráficos tecnicamente e não saberia apontar falhas, porém a trilha sonora é ótima, apesar de certas vezes mal posta, é notável quando uma musica do Uematsu começa a tocar em um combate o deixando mais empolgante ou dramático, o trabalho musical é muito bom e recomendo para aqueles que gostam dos trabalhos dele adquirir a trilha sonora deste jogo.


Em muidos:

The Last Story é um rpg muito inovador que tentou mesclar vários aspectos de jogos que tentaram mudar os Jrpgs em uma unica proposta solida, porém não conseguiu aproveitar todo o potencial que tinha em seus sistemas,sofrendo com inimigos pre-definidos, cenários de batalha pre-definidos, dungeons curtas (apesar dos ótimos chefes), no fim da jogatina a história agradável e os bons diálogos te trazem satisfação.

Historia: 7 / 10
Jogabilidade: 6 / 10
Trilha Sonora: 8 / 10
Dificuldade: 4 / 10
Extras: 4/ 10

avatar 
Akiha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por rpgmaster em 11/09/12, 08:44 am

Gostei de sua review. Simples e objetiva, e sem spoilers (que é algo bem importante.
Lembro que muito antes de seu lançamento, este jogo era muito comentado e que seu ponto forte seria a inovação. Ainda não tive a oportunidade de jogar,
Por enquanto sigo com Lost Odyssey, que como vc disse, tb é uma obra do mestre Sakaguchi...
O curioso é essa "mesclagem" que foi utilizada no sistema de combate, pois ainda em Lost Odyssey, foi se usado um sistema que remete ao de Shadow Hearts (ps2.
Uma coisa que sempre valorizei para caracterizar um bom rpg é a identidade/personalidade dos protagonistas e antagonistas do jogo. Isso o Sakaguchi sabe fazer e há sempre uma grande expectativa em relação a rpgs com "gente grande" envolvida...
avatar 
rpgmaster

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por djcoston em 11/09/12, 03:54 pm

Eu joguei um pouco desse quando lançou a versão japa, mas não fui muito com a cara... mas isso foi porque estava um pouco saturado de jogar tantos games de Wii.

No mais parabéns pela Review!
avatar 
djcoston

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Last Story

Mensagem por Conteúdo patrocinado

 
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum