O Espetacular Homem-Aranha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Espetacular Homem-Aranha

Mensagem por djcoston em 06/07/12, 11:55 pm


Tudo novo... e autêntico

Algumas perguntas ficaram no ar, quando foi anunciado o reboot do Homem Aranha:
Porque começar novamente uma franquia de sucesso em um curto período entre elas?
Não seria um risco esse projeto? A mudança dos atores principais não poderia causar
uma aversão ao novo filme? Enfim essas são algumas das questões que povoaram o
imaginário dos fãs do herói e que nessa semana finalmente poderá ter uma resposta.




Obvio que cada um terá uma opinião ao conferir o longa, mas para mim Marc Webb conseguiu
realizar um longa autentico e que após seus 20 minutos inicias de exibição, você esquece
completamente dos filmes anteriores e entra de cabeça nessa nova história repleta de ação e aventura.

Nesse recomeço Peter Parker (Andrew Garfield) é um rapaz tímido estudioso e carinho com os tios que o criaram,
e eles tomaram conta de Peter devido a uns misteriosos problemas com seus pais ainda na infância. Peter ao
ajudar o tio na arrumação no porão descobre uma pasta antiga de seu pai, trazendo lembranças e documentos
que fazem com que ele busque respostas para o desaparecimento deles. Nessa busca conhece o
dr. Curt Connors (Rhys Ifans) na Oscorp e lá acaba tenho contato com uma aranha modificada geneticamente
e mais tarde acaba entrando em conflito com o perigoso alter-ego de Connors, o vilão Lagarto.



Peter mesmo tímido inicia um namoro com a bela Gwen Stacy (Emma Stone) a filha do
delegado de policia da cidade, que no decorrer da trama vai ser uma pedra no sapato
do herói aracnídeo, por acreditar que o Homem Aranha é um arruaceiro fantasiado.

Para roteirizar esse reboot foi convocado um time de profissionais, Alvin Sargent, James Vanderbilt,
Stan Lee, Steve Ditko e Steve Kloves e mesmo com tantas mentes pensando o grande problema
do longa-metragem é exatamente o roteiro sem grande desenvolvimento para a proposta.

A ideia de trazer para a trama um realismo maior deixando de lado a fantasia foi valida, tanto que é que
esse recurso é o que faz com que mergulhamos nessa nova história, por colocar a imagem do herói mais
próxima de nos, mas ao fazer isso não conseguiram evitar uma série de falhas que vão acontecendo
durante a trama e ainda para piorar o vilão não conseguiu convencer tanto pela interpretação fraca
de Rhys Ifans como também no desenvolvimento dele dentro da história. O romance entre Peter e
Gwen é mais interessante e marcante que o duelo entre o Homem Aranha e o Largarto.



Mas calma fãs, nos outros quesitos o filme agrada e muito, ao começar pela direção de Marc Webb que apesar
de utilizar alguns clichês desnecessários, mostra uma excelente criatividade nas cenas de ação, e elas estão
SENSACIONAIS, de tirar o folego e de fazer vibrar qualquer um. Destaco uma cena entre o Homem Aranha e
o Lagarto na biblioteca do colégio, para mim é mais um dos momentos mágicos do cinema esse ano.

Outro bom destaque do filme é a edição que consegue dosar muito bem o lado dramático, cômico e de ação que a trama
apresenta o que faz do ritmo do filme algo excelente. Mesmo tendo mais de duas horas, a sensação é que ele é bem menor.

Vale lembrar também a utilização do 3D que tem bom uso durante o filme tanto no aspecto da profundidade, mas principais
para os efeitos visuais que em geral é o que mais chama atenção da maioria do público. As cenas em que o Homem Aranha
está pulando entre os prédios em Nova Iorque é de pirar, em algumas delas tem-se a sensação que você vai junto com ele.




Além desses acertos o grande diferencial que faz desse novo Homem Aranha algo louvável e imperdível
é a dupla protagonista do filme. Andrew Garfield já havia se destacado no filme A Rede Social, mas aqui
ele pode mostrar um vasto repertorio interpretativo, agregando para o Peter Parker uma caracterização
marcante e que como já citei antes, não faz com que tenhamos saudades ou lembranças do seu antecessor,
é uma grande composição. Para quem conhece pouco de interpretação é daqueles personagens que fala
sem abrir a boca e que te faz sorrir e se emocionar com ele (perfeito!).

E lógico a bela e jovem atriz Emma Stone que faz a primeira paixão de Peter, mais uma vez se destacando
mesmo com o pequeno papel, sua desenvoltura e carisma são latentes e junto com Andrew tem uma química incrível.

O Ccine recomenda e muito esse divertido e autentico Homem Aranha que mesmo com falhas no desenvolvimento
do roteiro consegue prender a atenção do publico e que com certeza vai agradar os fãs do herói aracnídeo.

Análise tirada do site: http://ccine10.blogspot.com.br/

SINOPSE

Peter Parker (Andrew Garfield) é um rapaz tímido e estudioso, que inicou há pouco tempo um namoro com a bela Gwen Stacy (Emma Stone), sua colega de colégio. Ele vive com os tios, May (Sally Field) e Ben (Martin Sheen), desde que foi deixado pelos pais, Richard (Campbell Scott) e Mary (Embeth Davidtz). Certo dia, o jovem encontra uma misteriosa maleta que pertenceu a seu pai. O artefato faz com que visite o laboratório do dr. Curt Connors (Rhys Ifans) na Oscorp. Parker está em busca de respostas sobre o que aconteceu com os pais, só que acaba entrando em rota de colisão com o perigoso alter-ego de Connors, o vilão Lagarto.

O filme marca a estreia de Marc Webb em filmes de alto orçamento. O diretor ficou conhecido pela comédia romântica independente (500) Dias Com Ela. Denis Leary, Irrfan Khan e C. Thomas Howell completam o elenco, que conta ainda com pequena participação de Stan Lee, criador do Homem-Aranha nas revistas em quadrinhos.



Roteiro: Alvin Sargent, James Vanderbilt, Stan Lee, Steve Ditko e Steve Kloves
Título Original: The Amazing Spider-Man
Gênero: Ação, Fantasia, Aventura
Duração: 2h 17min
Ano de lançamento: 2012
avatar 
djcoston

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum