Final Fantasy IV

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Final Fantasy IV

Mensagem por rpgmaster em 03/06/12, 01:59 am



Final Fantasy IV (conhecido como Final Fantasy II nos EUA) é um dos maiores clássicos do gênero. Com uma história surpreendente, uma ótima trilha sonora, e uma jogabilidade simples, revolucionou a indústria dos RPGs na data de seu lançamento.

Gráficos: Para a época, os gráficos do jogo não eram dos melhores. O jogo originalmente seria lançado para o Nintendo original,no entanto, foi tomada uma decisão que FF4 sairia para o Super Nintendo em vez do NES. A Square desesperadamente tentou atualizar os gráficos do jogo, mas como eles não tinham muito tempo para isso, o jogo meio que foi lançado "as pressas" (neste quesito) , os gráficos melhoraram com as devidas modificações, mas não tanto quanto eles esperavam. No entanto, ainda assim eram muito bons em comparação com os outros jogos de SNES da época.

Som: Se por um lado os gráficos do jogo não eram o ponto forte, já a parte sonora é impecável. Produzida pelo genial mestre Nobuo Uematsu, a música de Final Fantasy IV é adequada a cada situação no jogo. O tema principal "Theme of the Red Wings" é algo memorável, que logo de cara faz com que o jogador já entre no clima inicial da história. Algumas destas músicas garantem a emoção, como por exemplo a "Battle With the Four Fiends"


História: Poucos jogos possuem uma história tão envolvente como Final Fantasy IV. Reviravoltas na trama sempre acontecem em rpgs, mas em FFIV ela ocorre logo de início, o que acaba proporcionando um elemento extremamente positivo para o decorrer da jogatina. Em nenhum momento ela perde o foco e tende a apresentar as mais variadas situações clássicas do que caracterizamos como um verdadeiro épico. Em dados momentos, o jogador pára e pensa " E agora ? O que vai acontecer e o que aconteceu com x personagem" ou ainda " rant , essa cena foi rant " XD.

Jogabilidade: O jogo utiliza-se do sistema clássico de combate que foi empregado nos títulos anteriores da série. Não há inovações a se considerar.
Cada personagem possui uma habilidade única que pode ser usada nas lutas, mas não há a possibilidade de mudar a classe dos personagens.

Dificuldade: Elevada em comparação com outros rpgs do console. Um único level up pode fazer grande diferença nas batalhas, principalmente contra os bosses ou grupo de inimigos que surgem pra láda metade do jogo, em dungeons extensas, onde um único passo significa um encontro com monstros. Os melhores equipamentos exigem certas tarefas a serem cumpridas para a sua aquisição e as magias mais poderosas consomem muito MP, então o jogador sempre há de ser cauteloso antes de sair lançando Bolt4,Ramuh, entre outros ...

Personagens:

Cecil Harvey
Cecil é o líder dos Red Wings, o exército do reino de Baron. Tendo sido criado pelo rei desde criança, ele é totalmente devotado a sua realeza. Infelizmente, por sua posição, Cecil é ao mesmo tempo respeitado e temido pela população em geral, e ele tem poucos amigos. Alguns deles são: Cid, o engenheiro de Baron, quem projetou as "caravelas voadoras do reino, e um soldado chamado Kain. Cecil também tem uma relação complicada com a maga Rosa, ele é de inicio uma pessoa muito "fria", que não deseja compartilhar suas obrigações militares com um amor que poderia prejudicar a si e a própria dama que luta para se aproximar do resoluto Dark Knight.

Cid Pollendina
Cid é o engenheiro-chefe de Baron, o cérebro por trás da tecnologia das caravelas voadoras utilizadas pelos Red Wings. Ele mora com sua filha,construindo aeronaves para o rei, e é um dos amigos de Cecil.

Rosa Farrell
Rosa é uma White Mage, ela estudou esse tipo de "magia do bem" , a fim de prestar ajuda a Cecil, seguindo os passos de sua mãe, que também se tornou uma White Mage para ajudar o pai de Rosa, um Dark Knight, como Cecil. Ela é apaixonada por Cecil, mas amargurada por não ter seu amor correspondido Ela é suave, gentil, e altruísta, dedicando sua vida a ajudar os outros.

Kain Highwind
Kain é um Dragoon, uma divisão de soldados de Baron que segue os passos de seu falecido pai. Apesar de ter sido oferecida a chance de maior prestígio, tornando-se um Dark Knight, ele preferiu continuar o legado de seu pai. Ele é pragmático e prosaico, equilibrando a tendência de seu amigo Cecil para aprofundar as motivações do rei, para Kain, ordens são ordens. Kain também tem um certo carinho por Rosa, acompanhada de frustração com relação disfuncional de Cecil com ela. Ele é, no entanto, um amigo leal, e a sua sensibilidade é o que honra a memória de seu pai.

Rydia
Rydia é uma criança precoce da aldeia de Mist, cujos cidadãos são treinados na rara arte da invocação mágica. Ela é jovem e inocente, mas tem personalidade e coragem, e possui a impetuosidade típica das crianças de apontar as falhas evidentes em adultos e agir inadvertidamente.

Tellah
Tellah é um velho sem muitas pretensões em relação ao mundo a não ser com a sua preciosa e amada filha, Anna. Ele é sábio mas um tanto ranzinza, que usa de seus poderes mágicos para compensar a sua já alta idade.

Edward Chris Von Muir
Edward é o príncipe de Damcyan e o herdeiro do trono após a morte de seus pais. Ele é frágil e carece de auto-confiança, mas a sua força é a música e o amor por Anna, filha de Tellah, o ancião.

Yang Fang Leiden
Yang é um mestre do karatê e vive no reino subterrâneo de Fabul. Extremamente leal ao reino, ele se prova um valoroso e determinado companheiro durante a jornada de Cecil e seus amigos.

Palom
Palom é um aprendiz de mago na cidade de Mysidia. Ele é atrevido e malicioso como uma criança normal, mas também uma criança extremamente talentosa.

Porom
Porom, como seu irmão Palom é uma maga aprendiz da cidade de Mysidia. Ela é gentil, educada, responsável.Por muitas vezes toma a culpa para si a fim de proteger seu irmão, mas costuma repreendê-lo com freqüência por sua grosseria e atitudes irresponsáveis.

FuSoYa
FuSoYa é um Lunarian, um antigo povo que habita a Lua. Ele desde tempos imemoriais aguarda a chegada de Cecil, pois algo muito importante o cavaleiro tem a desempenhar.

Golbez
Golbez é a a pessoa por trás da súbita corrupção do rei de Baron. Muito pouco se sabe sobre ele no início da história, mas no decorrer da história sua importância no geral se equivale a de Cecil, a partir do momento que muitas questões em aberto vão sendo solucionadas.

Finalizando..
Final Fantasy IV foi meu primeiro RPG e tenho grande consideração por ele. Cecil é conhecido como o "true hero" de toda a série Final Fantasy e não é por menos (meu personagem favorito dos RPGs bow . Pra quem ainda não jogou, decidi não dar spoilers comprometedores na história,apenas digo " JOGUEM IMEDIATAMENTE ESSE JOGO !"
Se você for um jogador mais radical, ou desgoste da antiga geração de -> OURO, não há problemas...
Por se tratar de um RPG de altíssimo nível, o mesmo foi "portado para diversos consoles como PlayStation, WonderSwan Color, Game Boy Advance, Nintendo DS e PSP.
Uma continuação também foi lançada e se chama Final Fantasy IV The After Years, que narra uma história alguns anos após o témino do épico original. Mas aí já é outra história.

Espero que gostem desta humilde review, na qual extrai algumas informações de sites específicos e dei minha opinião a respeito do jogo. Deem uma chance a este RPG e depois citem o resultado dessa recomendação.
Gregorio teacher, me perdoe se houver algum erro de português na review Razz

avatar 
rpgmaster

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Daniel em 03/06/12, 01:32 pm

O enredo do 4º FF é fantastico. Poucos jogos da franquia tiveram uma história com personagens tão marcantes.

Não sei dizer se o enredo do FF4 é o melhor da série, pois o FF6 é um candidato de respeito, mas, com certeza, Cecil como protagonista dificilmente será derrubado.

Um detalhe curioso, é que a versão ocidental do jogo, foi traduzido pelos próprios desenvolvedores japoneses sem nenhuma revisão, e muitas frases do jogo ficaram bem esquisitas, sendo a mais marcante o lendário "You Spoony Bard!" que, após tudo, acabou se tornando uma marca do jogo.
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por MrLinx em 03/06/12, 01:51 pm

Tá ai um que sinto obrigação de terminar. Já comecei duas vezes na versão de PSX há um tempo atrás e nas duas perdi meu save (já havia chegado na última dungeon rant ), por isso acabou que não me animei a começar uma terceira vez naquela época do meu PSX.
Cecil é extremamente marcante com os dilemas que enfrenta e é sem dúvida, um dos melhores protagonistas que se tem no mundo dos games.
Como adquiri um DS acho que vou jogar a versão do mesmo.
Ah e a proposito Carlos, ficou muito boa essa review! Wink
avatar 
MrLinx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por rpgmaster em 04/06/12, 09:36 am

"Spoony Bard" é um quote memorável da série, hehe

Alessandro, obrigado pelo feedback. Apesar de possuir um Nintendo Ds, não terminei o FFIV nele, apenas no snes e psx....mas pelo que vi o jogo foi bem feito nesse remake e se não me engano, acho que o Daniel chegou a terminar ele no DS hmmm
avatar 
rpgmaster

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Daniel em 04/06/12, 12:42 pm

yup, terminei, sim.

Na verdade, minha história com FF4 contempla o próprio cartucho no Super Nes.
Foi um dos meus primeiros RPGs finalizados, e tenho muita honra disso.

As versões que Finalizei:
- Original no Super Nes (não lembro o ano, deve ter sido por 1995).
- Port para PS1 (Acho que finalizei esse por volta do ano 2000).
- Original do Super Nes com tradução realizada por fãs (creio que por volta de 2007).
- Remake do DS (2010).

Esse jogo tem umas considerações a serem feitas para, como, no caso, o Alessandro que queira jogar e esteja em dúvida em qual versão pegar:

- Super Nes: Há duas versões no console, que é o FF4 e o FF4 EasyType que foi lançado posteriormente. Como o próprio nome sugere do segundo jogo, é uma versão mais light e com algumas armas adicionais. A tradução não é das melhores tanto pelo texto quando pelas abreviações de magias e itens por limitação de caracteres: meteo é o exemplo clássico.
Há um Patch com a tradução realizada por fãs que melhora e muito o jogo, e, em termos de texto, coloco como a segunda melhor versão para escolher.

- PS1: A versão presente no Chronicles é o FF4 EasyType do Snes, este com a mesma tradução lançada no Super Nes do jogo original. Assim como os outros ports, ele sofre do mal dos loadings mais demorados por causa da leitura de CDs à 4X do PS1. Não é uma escolha boa entre todos.

- GBA: Este não é um port, é um remake dando um ganho maior nos gráficos mesmo que não sejammuito grandes. Possui uma nova tradução mas seguiu como base a localização realizada pelos japoneses na versão original para Snes. É mais light que a própria versão EasyType do Snes assim como os outras versões dos FFs do GBA. O Downgrade no som é perceptivel, até pela comparação de hardware do Super Nes em relação ao GBA.

- NDS: Enfim um Remake significativo tanto nos gráficos, som, e, principalmente, na localização. Tom Slattery ficou a cargo da tradução, este, que é o bam-bam-bam no momento, e com justiça, já que o trabalho dele é impecável. Inclusive, se você entrar lá no mundo inferior na sala secreta e clássica dos desenvolvedores, dá para bater um papo com ele e ter uma explicação dos principais erros cometidos nas traduções anteriores. Como marca registrada, o Spoony Bard ficou intacto mesmo não sendo a melhor tradução. O que eu realmente não gostei nessa versão, é a inserção de um novo Eidolon da Rydia deste o começo do jogo interferindo na história, o qual gosto de chamar de "Zé Gotinha". Pra mim, remake tem que respeitar sempre o original em sua história e dar ênfase somente na melhoria dos gráficos e sons, e, como no caso, o texto. Mas, isso é somente uma preferência pessoal. Tirando a parte do Eidolon, provavelmente seja um dos melhores remakes já feitos. Claro, o Zé Gotinha é mais cisma minha do que qualquer coisa, e há um plus neste em relação a todos os outros que é a dublagem.

- PSP: Terceiro Remake. Estranhamente, mesmo sendo o último lançado, ele recebeu a tradução do GBA e não do NDS. Alguns dizem que seria algo voltado à algum contrato entre Nintendo e Square Enix, mas nunca foi dito oficialmente o porque da escolha.
Enquanto o DS foca em gráficos 3D nas batalhas e alguns cenários, O PSP foca no 2D até para aproveitar a engine utilizada no remake do Final Fantasy II usada no proprio portátil. Claro, mesmo em 2D os gráficos ficaram muito bons e além do 2º FF. Tem o After Years juntamente do jogo, o que dá um plus caso queira jogar. O que realmente não gostei foi a janela dos textos e a proporção dos mesmos:



Se for um hardcore, a versão do Super Nes é a mais difícil. Se for pela aparência, DS tem seus gráficos em 3D tanto em batalha quanto world map bem bonitos para o padrão do portátil e a dublagem, além do melhor texto. PSP tem gráficos mais nitidos mesmo em 2D, até por ter sido lançado 4 anos depois para um hardware mais forte e o After Years que segue o mesmo padrão. Graficamente o PSP e NDS tem suas diferenças mas os dois atendem perfeitamente o que o hardware dos portáteis têm a oferecer.

[flash(480,270)http://www.youtube.com/watch?v=jgFGQY2bfVE[/flash]
PSP


DS x Snes


DS

Leave Me Alone! I hate you!
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por MrLinx em 04/06/12, 06:03 pm

Muito bom você citar essas diferenças Daniel, vai me ajudar a decidir qual versão jogo por aqui. Wink
Eu fico em dúvida entre a versão de DS e Snes hmmm, mais acho que realmente jogarei a versão de DS devido a melhor tradução e dublagens, sou muito chato quando o quesito é historia e prefiro jogar com os diálogos impecáveis. Posteriormente jogarei o After Years no PSP. Não tinha notado como essa proporção das caixas de diálogos estavam estranhas no PSP.
avatar 
MrLinx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por djcoston em 04/06/12, 07:08 pm

Seria interessante usar o conteúdo que vocês postaram aqui para completar o tópico "A série de RPGs mais conhecida de todos os tempos...". Razz
Posso colocar lá também?
avatar 
djcoston

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Daniel em 04/06/12, 08:34 pm

Alessandro escreveu:Muito bom você citar essas diferenças Daniel, vai me ajudar a decidir qual versão jogo por aqui. Wink
Eu fico em dúvida entre a versão de DS e Snes hmmm , mais acho que realmente jogarei a versão de DS devido a melhor tradução e dublagens, sou muito chato quando o quesito é historia e prefiro jogar com os diálogos impecáveis. Posteriormente jogarei o After Years no PSP. Não tinha notado como essa proporção das caixas de diálogos estavam estranhas no PSP.
É uma boa versão Smile

djcoston escreveu:Seria interessante usar o conteúdo que vocês postaram aqui para completar o tópico "A série de RPGs mais conhecida de todos os tempos...".
Posso colocar lá também?
Ficará bom police


-
Eis a sala dos produtores da versão do DS:



Lendário Spoony Laughing

No After Years tentei adentrar a sala dos produtores no Cenário da Rydia, mas a sala não estava lá :x unsure
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Pedrohk em 07/06/12, 07:06 pm

Esse jogo é demais. Enredo maravilhoso. E que review, parabéns, Carlos.
Daniel também, que nunca escondeu o fanatismo desse jogo Very Happy.

Cecil, Edward e Cid fazem desse jogo uma obra arte!
avatar 
Pedrohk

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Whitewolf em 18/09/14, 09:53 am

Ressucitando o tópico pra anunciar que FFIV foi lançado ontem no Steam:

http://store.steampowered.com/app/312750/

Square mercenária!! 

Mas esse trailer todo em CG ficou lindo  Tongue
avatar 
Whitewolf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Final Fantasy IV

Mensagem por Conteúdo patrocinado

 
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum