Retrospectiva RPG Players 2015

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 27/12/15, 12:56 am


Como já se tornou tradição aqui no fórum, o tópico da retrospectiva serve para postarmos como foi nosso ano e quais RPGs terminamos. Postem suas listas e assim que forem postando vou editando o post inicial com os seus respectivos GOTY e links diretos assim como no tópico de 2014, 2013 e em 2012.

Vamos postar seus feitos, pessoal Very Happy

Melhores do ano RPG Players:

  • @Daniel: Fire Emblem: Path of Radiance (Gamecube)
  • @Mrlinx: Fallout 2 (PC)
  • @Saint Rafael: The Legend of Zelda:A Link Between Worlds (3DS)
  • @Whitewolf: Dragon Age Origins - Ultimate Edition (PC)


Última edição por Daniel em 29/02/16, 09:36 am, editado 7 vez(es)
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 27/12/15, 01:34 am

25-12-15
Fallout 4 (PC)
Certamente um RPG que me marcou muito e que tenho bastante orgulho RPGístico de ter colocado 74 horas de jogatina em cima dele. É um jogo fantástico que merece uma grande atenção aos fãs da série.

04-10-15
Shin Megami Tensei - Soul Hackers (3DS)
Tinha uma grande expectativa com o jogo por tudo aquilo que o cercava, pelos comentários sempre de ótimo nível dos jogadores, e pelas primeiras horas de jogo fantásticas que se tem. No fim, um pouco mais decepcionado que admirado, mas mesmo assim um belo jogo da Atlus.

04-07-15
Phantasy Star Generation 1 (PS2)
Nosso último jogo no clube da jogatina foi especial. Nunca havia jogado nenhum jogo da série sequencial de Phantasy Star e fiquei bem surpreso positivamente com o jogo. Achei muito bom e com certeza em bre também irei achar do segundo jogo, que dizem ser melhor ainda.

18-04-15
Automatic RPG (Android)
Ah, esses joguinhos simples para Android me divertiam muito. Tenho que continuar me aventurando no submundo RPGístico da Play Store em busca de mais jogos como este, que está longe de ser uma boa obra, mas que é um jogo divertido para passar o tempo.

05-04-15
Fire Emblem: Path of Radiance (GCN)
É o melhor jogo da série para mim até esse momento. Um RPG fantástico com o melhor em combate que a série proporcionou até hoje, melhor até que os atuais jogos para 3DS. Mas o melhor dele vai além, e é em sua história e enredo sua melhor chama que manterá por muitos anos Ike e Fire Emblem: Path of Radiance como um jogo inesquecível.

22-03-15
Shin Megami Tensei IV (3DS)
Havia começado o jogo ainda em 2014, mas só esse ano consegui finalizar por questões de tempo. E isso não quer dizer que o jogo é ruim, pelo contrário, e é um dos melhores jogos de RPG por turno que já joguei até hoje. Fiquei impressionado com a qualidade do sistema de batalha existente no jogo. Espero no futuro jogar mais jogos da série.

14-02-15
Bravely Default (3DS)
Esse jogo poderia ter sido uma obra prima se não tivesse sido estragado de forma infeliz pela Square Enix. Aquela repetição toda que somos obrigados a fazer para se ter o final da qual esperamos, foi um dos maiores absurdos que vi em um RPG nos últimos anos. Mesmo assim, foi um jogo bem feito e com qualidades bem interessantes.

08-02-15
Treasure of the Rudras (SNES)
Nosso clube do início do ano revelou uma grande surpresa em termos de jogatina pela qual me passou desapercebido durante anos. Sem dúvida aquela época da Squaresoft foi mágica, e nos brindou um RPG de grande qualidade e que é soberbo até os dias de hoje.

02-03-15
Breath of Death VII: The Beginning (PC)
Joguinho que tinha pegado na época da summer da Steam por alguns trocados, que não deveria chegar a 1 real. Me surpreendi muito com o RPG em sua forma simples e extremamente divertida da qual confesso ter tido muitas risadas com suas sátiras a outros jogos e piadas entre o enredo.

29-01-15
Inflation RPG (Android)
Esse deve ter sido o RPG mais viciante que peguei até hoje nos RPGs de Android. Me empenhei de corpo e alma para finalizar esse jogo demoníaco e cheio de táticas, equipamentos e poucos passos para se investir. Vale muito a pena, joguem.

06-01-15
Buff Knight! (Android)
RPG brasileiro muito simples e bem curto, também. Sem muito a comentar, além de ser um daqueles jogos de "banheiro", apenas. Só para contar número.

GOTY: Fire Emblem: Path of Radiance (GCN)

Minha retrospectiva desde 2008:
2008: 20 RPGs
2009: 17 RPGs
2010: 16 RPGs
2011: 15 RPGs
2012: 12 RPGs
2013: 08 RPGs
2014: 09 RPGs
2015: 11 RPGs

bow Rapaz, depois de vários anos de declínio, finalmente consegui aumentar meus términos para quase 1 por mês que é minha meta.
Havia colocado o Final Fantasy Record Keeper no backloggery como finalizado, por que na época havia feito tudo no jogo, mas parece que agora deram um up no jogo complementando muita coisa, segundo meu amigo @sandrojung, então deixarei ele de fora da lista.


Última edição por Daniel em 29/12/15, 12:43 pm, editado 1 vez(es)
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Omni em 27/12/15, 05:03 pm

Caramba, que listão é essa daniel ?
haha vendo essa lista a minha se torna bem insignificante kkk
avatar 
Omni

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 28/12/15, 05:26 pm

Que nada, @Omni, a coisa para mim só foi melhor que nos outros anos.
Aproveite e poste a sua
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por MrLinx em 31/12/15, 07:08 pm

Bem vamos lá, esse ano foi o mais complicado em termos de jogatina devido ao foco em trabalho e outras coisas que andam sugando o tempo até mesmo agora nesse fim de ano. DE toda maneira estou satisfeito com os RPG's que zerei pois alguns deles tem alta qualidade e proporcionaram uma jogatina inesquecível. Vou copiar sua formatação @Daniel:

28-02-15
Xenoblade Chronicles (Wii)
Um RPG que marcou bastante. Como disse acima esse é um dos que ficarão marcados sempre como uma jogatina épica, divertida e viciante. Foram várias horas de jogatina e todas elas satisfatórias nesse que pra mim foi o melhor JRPG que joguei nos últimos anos.

10-03-15
 Shadowrun Returns (PC)
Esse me decepcionou um pouco pois fui esperando mais. É um jogo com uma excelente narrativa, mais achei que faltou profundidade. Mesmo assim vale muito a jogatina.

12-04-15
 Legend of Grimrock(PC)
Esse foi uma grata surpresa. Já esperava que o jogo fosse excelente devido a boa crítica, mais quando joguei, me surpreendi muito com a deliciosa exploração e progressão aliadas a um sistema simples e sólido de combate. Altamente recomendado também.

06-05-15
 Great Greed (Game Boy)
Jogo bem simples de Game Boy, que zerei pelo emulador no celular. É um jogo divertido e curto, mais exige um certo grind para avançar como nos RPG's oldschool.

17-05-15
 Phantasy Star (Master System)
Um clássico dos RPG's que dispensa apresentações. Joguei com o pessoal aqui no Clube da Jogatina e foi uma agradável experiência. 

21-06-15
 Deus Ex (PC)
Outro grande jogo aclamado pela crítica como um clássico absoluto e com total razão. Um jogo que oferece uma grande liberdade de escolhas tanto na jogabilidade como na estória com uma estória de conspiração das melhores se não a melhor que já vi, sem esquecer também de mencionar a ótima trilha sonora. Joguem sem pensar duas vezes.


13-09-15
Fallout 2 (PC)
Bem pra mim o melhor RPG que joguei esse ano e provavelmente esteja no meu top 5 RPG's de todos os tempos (ao lado do primeiro Fallout). Totalmente incrível, e apesar de pequenos defeitos, nada consegue tirar o brilho desse jogo. Uma obra prima.


14-11-15
Divinity Original Sin (PC)
Outro jogo que foram investidas mais que 70 horas e foram muito bem investidas. Os dois melhores pontos do jogo pra mim foram a excelente exploração e o altamente e deliciosamente bem trabalhado sistema de combate.


29-11-15
Blood Knights(PC)
Esse aqui seria o ganhador do premio trash do ano. Apesar de ter valido a pena pela diversão de jogar em coop com meu grande amigo @Whitewolf, é um joguinho bem medíocre. 


Enfim esse ano foi isso que finalizei em termos de jogatina RPGística. Ando jogando grandes títulos que não terminarei esse ano, mais que ano que vem serão as pendências e com certeza agregarão bastante a lista, como Fallout New Vegas, Lords of Fallen e Kings Field IV.


Como melhor do ano, como já citei elejo Fallout 2. 



Desejo também um feliz ano novo a todos e que ano que vem, tenhamos mais jogatina ainda! Abraço a todos meus caros amigos da RPG Players!  
avatar 
MrLinx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 01/01/16, 04:51 am

Cara, excelente lista de jogos, @Mrlinx.
Com exceção de praticamente um jogo só, o resto você considerou bons ou grandes jogos, então foi um ano excelente em termos de backloggery x qualidade.

Parabéns Wink

Adicionado seu Goty no primeiro post.
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Saint Rafael em 04/01/16, 12:53 am

Demorei,mas fiz a minha.

Pokémon Alpha Sapphire/3DS
Pokémon Omega Ruby/3DS
Treasure of Rudras/Snes
Castle of Shadows/Android
Swordigo/Android
The Legend of Zelda:A Link Between Worlds/3DS

Game of the Year

Era certo que seria o Pokémon,mas achei a continuação do Link to the Past sensacional.Jogaço!Então,2015 deu Zelda.

É isso aí.
avatar 
Saint Rafael

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 04/01/16, 08:42 am

Muito bom, @Saint Rafael Razz

Lista com estilos bem variados entre os jogos e um belo GOTY escolhido.
Desses, terminei apenas o Treasure of Rudras, que jogamos juntos no #clube.

Post inicial editado.
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Whitewolf em 10/01/16, 12:20 pm

Minha listinha demorou mas eu fui a fazendo ao longo do ano pelo backloggery, tanto com RPGs como uma listinha geral.

2015 foi um ano de muitos acontecimentos infelizes e imprevistos por aqui, porem também o ano em que terminei a maior quantidade de RPGs na vida! Bem como devo ter completado a maior quantidade de jogos no mesmo ano, pela minha lista foram 42 jogos terminados. 

Segue a lista dos RPGs:

 Dragon Quest (Android)
Um clássico excepcional, primeiro que jogo na franquia e um port que ficou mto bem feito pra Android

 Pokemon Y (3DS)
Um dos melhores na série, com bastante inovações, tanto gráficas quanto na propria jogabilidade e aquela velha essencia que conquista até hoje os fãs da série.

 Breath of Death VII: The Beginning (Steam) 
Esse Indie é um mito! Foi o RPG  mais desconhecido que terminei no ano e achei um jogo fantástico, curto, simples e muito divertido. Esse vale mesmo a pena.


 Fragile Dreams: Farewell Ruins of the Moon(Wii) 
Um RPG de Wii, bem diferente do habitual visto que se trata tbm de um survival horror, nem estava nos meus planos jogá-lo mas o jogo me cativou desde o inicio e como vi que não animaria parar pra retomar depois acabei jogando. Apesar de ser um Survival Horror, o jogo é leve e flui muito bem, é uma pérola perdida no Wii!

 Code of Princess (3DS)
Bem, se até aqui tudo tava sendo surpresa positiva, aqui a carroça tomba! Esse foi até hoje o RPG que mais me decepcionou no 3DS. Muito fraco tanto na jogabilidade extremamente repetitiva quanto no enredo, o jogo é curto mas bem morno, salvando apenas o carisma dos personagens.

 Pocket RPG (Android)
Esse joguinho tbm lançado pro Vita me rendeu várias horinhas de jogatina descompromissada, porem não espere muito do mesmo, a jogabilidade é simples e o jogo é até bem feito, ideal pra jogatinas rápidas de 10 a 15 min.

 Dungeon Explorer II (Turbo Duo)
Esse foi outra surpresa positiva, em algum momento procurando um jogo pra jogar mais casual, acabei apelando pra algo mais primitivo  Tongue até que me deparei com esse rogue-like! É com certeza um clássico a ser jogado!

 Pokemon Shuffle (3DS)
Um puzzle-RPG dos monstrinhos, gratuito e casual, divertido e até mesmo viciante, excelente pra jogar no banheiro  Laughing

 Grand Knights History (PSP)
A segunda decepção do ano, tive que terminar na base do rush, belos visuais e boa jogabilidade mas extremamente repetitivo e exaustivo.

 Letter Quest: Grimm's Journey (Android)
Vi o @MrLinx jogando isso no celular uma vez e baixei, um mes depois terminei. Outra boa pedida pra jogadas curtas.

 Before the Echo (Steam)
Se voce gosta de jogos musicais e rítmicos vai gostar dessa mistura com RPG, ja se não for muito fã, aconselho ficar longe desse indie.

 Phantasy Star Generation: 1 (PS2)
Esse foi um épico, clássico e com um remake digno de seu nome. Nem é preciso mais palavras pra descrever o que é esse jogo!

 You Must Build a Boat (Android)
Continuação do indie 10000000, esse puzzle-rpg conseguiu se sair melhor que se antecessor, alem de bem divertido é bem viciante também!

 Inazuma Eleven (3DS)
Não esperava muito desse jogo, mas acabei gostando bastante, tem uma historinha de anime bem legal e uma jogabilidade que ficou muito bacana misturando futebol com RPG.

 Dragon Age Origins - Ultimate Edition (PC)
Um dos jogos que mais demorei pra terminar na vida, havia começado ha 2 anos, Dragon Age Origins é um senhor dos RPGs, um jogo completo!

 Dissidia 012 Duodecim: Final Fantasy (PSP)
Gostei mais do primeiro, apesar das inovações no sistema de combate e pequenos ajustes nos graficos.

 Phantasy Star Portable (PSP)
Continuação da série Online/Universe de Phantasy Star. Da pra engolir, mas desce rasgando  Tongue

 Dead Island - Game of the Year Edition(Steam)
Empolguei com esse no inicio, mas a partir de certo momento você vê que nem faz muito sentido matar os zumbis e sai correndo pro fim do jogo  Laughing

 Arc The Lad (PlayStation)
Arc foi um joguinho bem legal, embora eu tenha achado bem simplório, mas até gostei.

 Theatrhythm: Final Fantasy (3DS)
Esse é um dissidia musical, e ouvira as canções mais famosas de todos os FFs é algo bem relaxante, tirando o show de spoilers aconselho pra quem já tiver jogado os jogos principais da serie!

 Blood Knights (Steam)
E então o ultimo jogo do ano, e que por sinal reflete exatamente como o ano terminou por aqui: Totally Trash! Só consegui chegar ao final desse porque joguei em coop com @MrLinx, caso contrario desistiria na primeira hora do jogo. Esse definitivamente não recomendo, o jogo parece ter saído das mão de um estagiário revoltado.

Game of the Year:






Crap Shit from Hell of the Year






Surprise of the Year:


avatar 
Whitewolf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Daniel em 10/01/16, 07:05 pm

@Whitewolf, 42 jogos é um grande feito, sem dúvida nenhuma.
E foi uma lista bem variada, o que possibilitou uma jogatina bem balanceada.

Inserido seu Goty no post inicial!
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Retrospectiva RPG Players 2015

Mensagem por Conteúdo patrocinado

 
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum