White Knight Chronicles

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

White Knight Chronicles

Mensagem por Rockman em 16/07/15, 12:18 am


Nome: White Knight Chronicles
Produtora: Level 5
Gênero:  Action RPG
Plataforma(s): Playstation
Versão analisada: Americana

White Knight Chronicles foi um RPG que mesmo antes de seu lançamento no Japão, fazia muito sucesso devido à sua art exótica, aos pequenos vislumbres da sua estória que chegaram ao domínio público, e também ao fato de ser da produtora Level-5, que nos têm trazido bastantes títulos de sucesso.

White Knight Chronicles conta a história de Leonard, um órfão criado por um humilde produtor de vinhos, cuja vida muda de rumo ao fazer uma entrega para as festividades do aniversário da princesa do reino, Cisna. Durante os festejos, onde Leonard e seus amigos entram escondidos, o castelo é atacado por uma força desconhecida, e no meio de todo o caos, o Rei é assassinado, e vendo a vida da princesa em perigo, Leonard, agarrado a uma memória de infância do sorriso de Cisna, assume o papel de um cavaleiro disposto a dar a sua vida para protegê-la. Luta após luta, Leonard e Cisna vêem-se encurralados na sala de tesouro do castelo, onde defrontam um inimigo formidável, e quando a esperança de o conseguir derrotar é quase nula, Leonard entra em contato com um artefato selado no castelo, uma Knight Ark, uma relíquia de uma antiga civilização que concede um poder enorme para quem consiga estabelecer um pacto com ela. Como se guiado pelo destino, Leonard é o escolhido para equipar a armadura de cavaleiro, e após estabelecer o pacto, consegue finalmente derrotar o inimigo à sua frente. Todavia, não consegue evitar o rapto da princesa Cisna, e agora deverá usar o seu novo poder para resgatá-la do inimigo.


A estória desenvolve-se rapidamente, e entramos no meio de um conflito entre duas raças que se pensava estarem extintas. Descobre-se a existência de outras quatro, e de uma lenda de destruição do mundo se todas forem reunidas.

Embora o protagonista principal do enredo seja o Leonard, antes de começarmos o jogo temos direito a criar um personagem jogável ao nosso gosto, através de um editor de personagens bastante complexo e detalhado. O personagem por nós criado é um mero espectador nos diálogos e cutscenes, sendo raramente referido, não tendo um mínimo impacto no desenvolvimento da estória, o que é bem desanimador.


Os cenários, a música ambiente, o design dos monstros e personagens é todo ele inspirador e original, deixando uma vontade de andar pelo mundo em missões exploratórias e em lutas árduas.

Em termos de jogabilidade, o sistema de combate pode ser um pouco estranho de início, mas têm aspectos bastante interessantes face a outros RPG’s. Aqui temos de ter sempre em atenção o cenário que nos rodeia, de forma a não nos colocarmos no meio de uma emboscada a meio de um combate. É preciso avaliar constantemente o mapa e os inimigos à nossa volta, de forma a termos sempre em mente os riscos que corremos num dado momento.

O desenvolvimento dos personagens apresenta uma grande variedade, e está ligado ao sistema de combate, sendo que os ataques deste último são escolhidos a dedo pelo catálogo de skills já desbloqueadas pelos jogadores, e que podem ser combinados para criarem combos, aumentando e personalizando ainda mais os ataques possíveis. Cada ataque ou magia pode ter associado um custo a nível de MP ou AC, embora este custo não deva ser interpretado como um bom indicador dos melhores ataques, visto que cada monstro tem as suas fraquezas individuais, quer em pontos fracos no seu corpo, como de resistência a certos elementos.



O sistema de crafting não foi muito bem aproveitado, aparecendo relativamente tarde no jogo. A própria caça de obtenção de ingredientes para o crafting é bem monótona, e dependendo do nível de dificuldade que se joga, pode muitas vezes chegar à conclusão que os atributos extra de certos itens não compensa o esforço e o tempo perdido da sua criação.

Resumindo, o jogo irá ser certamente do agrado dos fãs de RPG’s. É um jogo menosprezado pela crítica em geral, mas não chegou a me aborrecer, embora no fim tenha me desanimado. O grafico e músicas são bastante bons. Jogarei as sequências quando tiver a oportunidade, mas isso já é uma estória para outra ocasião...

 Nota: 70
avatar 
Rockman

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Akiha em 17/07/15, 02:54 pm

O 2 é bem melhor Rockman deveria ter pego ele direto, mas eu também cometi este erro e peguei o 1º antes do 2º que inclui o 1º.

eu acho WKC um jogo bem competente em suas premissas, gostei bastante das dungeons e alguns chefes são bem legais de se enfrentar, pena que o fim não acaba da melhor forma.
avatar 
Akiha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Whitewolf em 17/07/15, 10:54 pm

Nosso homem-review ataca novamente, parabéns pela ótima review @Rockman!

Uma vez dei uma testada no WKC do PSP, até achei bacana, apesar de meio confuso no inicio. Será que o sistema de batalha e plot do de PSP tem a ver com esses de PS3?
avatar 
Whitewolf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Rockman em 18/07/15, 12:13 am

Também tive a mesma impressão que você @Akiha.
Testei um pouco o 2 e já achei melhor, então é prato cheio para mais uma aventura futura.

@whitewolf vou trazer mais algumas que prometi um tempo atrás.
A versão do PSP não sei dizer como é, mas se trazer a essencia do PS3, deve ser um bom jogo.
avatar 
Rockman

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Akiha em 18/07/15, 11:47 am

A versão de PSP é antes do 1 de PS3, ele conta historias sobre a Dogma War que tanto falam no de PS3, não cheguei a jogar muito porque me parece que não é exatamente um rpg mas sim um hunter game
avatar 
Akiha

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por MrLinx em 18/07/15, 06:04 pm

Opa, mais uma grande análise do nosso amigo.

Desconheço bem essa série e sempre li críticas duras e pesadas em relação a ela. Tentei jogar o de PSP, mais parei quando percebi que era no estilo "Hunter" como a @Akiha disse.
avatar 
MrLinx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Whitewolf em 18/07/15, 11:14 pm

@Akiha escreveu:A versão de PSP é antes do 1 de PS3, ele conta historias sobre a Dogma War que tanto falam no de PS3, não cheguei a jogar muito porque me parece que não é exatamente um rpg mas sim um hunter game

Hell, isso me faz desanimar um pouco, não gostei muito desse estilo hunter.

O unico jogo que joguei desse estilo foi Lord of Arcana, que é de mediano pra fraco, se a historia desse WKC:O compensar talvez eu ainda de uma chance a ele, porque a trama do LoA é de lascar  Tongue
avatar 
Whitewolf

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Rockman em 19/07/15, 05:06 pm

@Akiha esclarecendo tudo Very Happy
Agora fiquei mais com vontade ainda de jogar esse do PSP.
avatar 
Rockman

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Daniel em 19/07/15, 08:54 pm

Ótima review, @Rockman Smile
Andava sumido, e do anda aparece com gás total, hein? pepsi

Bom ver o amigo de volta.

Ainda não joguei nenhum dessa série, e achei bem peculiar quando você cita que o personagem acaba não se envolvendo muito e deixa o enredo e história te guiar.

Interessante
avatar 
Daniel

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Rockman em 23/07/15, 12:25 am

Pois é. Vamos ver se o ritmo e movimento melhora aqui.
avatar 
Rockman

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: White Knight Chronicles

Mensagem por Conteúdo patrocinado

 
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum